Carlos do Carmo (1939-2021)

Carlos do Carmo

De acordo com o site Sapo24, morreu aos 81 anos Carlos do Carmo, importante nome do fado:

O fadista morreu na madrugada de 01.01.2021 aos 81 anos, no hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde tinha dado entrada ontem com um aneurisma. A notícia foi confirmada ao SAPO24 pela família do cantor.

Carlos do Carmo é um dos mais reconhecidos, premiados e aclamados fadistas de sempre. A “Enciclopédia da Música em Portugal no Século XX” descreve-o como uma “figura marcante no estabelecimento de mudanças na tradição fadista”, sendo uma das “suas maiores referências, com reconhecimento nacional e internacional”.

Nascido em Lisboa, em 21 de dezembro de 1939, Carlos do Carmo despediu-se dos palcos em 2019.

Filho da fadista Lucília do Carmo (1919-1998), “uma das vozes mais marcantes” do fado no século XX, segundo a mesma fonte, Carlos do Carmo cresceu num ambiente fadista. Desde 1947 que sua mãe era proprietária da casa de fados Adega da Lucília, no Bairro Alto, em Lisboa, atual Arcadas do Faia, que passou a ser gerida por Carlos do Carmo em 1962.

Leia mais clicando aqui.