The Voice+ Brasil 2021: Fase 1, Audição às Cegas 3, 31.01.2021

Apresentações do programa de hoje:

1. Henriette Fraissat

– Cantou “You Are So Beautiful”
– Time Daniel

2. Ronaldo Barcellos

– Cantou “Cada Um, Cada Um”
– Time Claudia

3. Nana Barcellos

– Cantou “Baila Comigo”
– Time Mumuzinho

4. Cassio Tucunduva

– Cantou “I Can’t Stop Loving You”
– Time Daniel

5. Claudio Damatta

– Cantou “Lembra de Mim”
– Ninguém virou

6. Dona Duda Ribeiro

– Cantou “Se Acaso Você Chegasse”
– Time Ludmilla

7. Elias Izaias

– Cantou “Você”
– Time Mumuzinho

8. Tereza Cristina

– Cantou “As Forças da Natureza”
– Time Mumuzinho

9. Oscar Henriques

– Cantou “In My Life”
– Time Claudia

10. Fran Marins

– Cantou “Boate Azul”
– Time Daniel

11. Nice Lea

– Cantou “Juízo Final”
– Time Ludmilla

12. João Carlos Albuquerque

– Cantou “Sultans of Swing”
– Time Claudia

13. Carlos Candeias

– Cantou “Este Seu Olhar”
– Time Mumuzinho

14. Claudya

– Cantou “Deixa Eu Dizer”
– Time Claudia

Programa de hoje no site oficial:
https://gshow.globo.com/realities/the-voice-mais/

Times até este programa:

TIME CLAUDIA LEITTE
– Ceiça Moreno
– Claudya
– Evinha do Forró
– João Carlos Albuquerque
– Mario Figueiredo
– Oscar Henriques
– Ronaldo Barcellos
– Zé Alexandre
– Zeni Ramos

TIME DANIEL
– Abadia Pires
– Áurea Catharina
– Carlos Miziara
– Cassio Tucunduva
– Catarina Neves
– Fran Marins
– Henriette Fraissat
– Jorge Darrô
– José Mariano

TIME LUDMILLA
– Dona Duda Ribeiro
– Dudu França
– Dulce Borges
– Lucia de Maria
– Mamá Motta
– Miracy de Barros
– Nice Lea
– Tia Elza
– Vera Ambrozio

TIME MUMUZINHO
– Angela Máximo
– Carlos Candeias
– Celestina Maria
– Geraldo Maia
– Elias Izaias
– Leila Maria
– Nana Barcellos
– Tereza Cristina
– Yeda Maranhão

Sibongile Khumalo (1957-2021)

Sibongile Khumalo

Sibongile Khumalo

Segundo o site Voz da América, Sibongile Khumalo, cantora sul-africana de ópera e jazz, morreu em 28.01.2021 segundo noticiou a Reuters, citando a sua família:

A cantora de 63 anos de idade morreu de derrame cerebral depois de doença prolongada.

Nascida em Orlando west, no Soweto, arredores de Joanesburgo, não muito longe da casa do falecido Presidente Nelson Mandela, Sibongile era muito respeitada na África do Sul e na região. Em 2008, recebeu a Medalha Presidencial de Ikhamanga em Prata, a segunda mais importante do país, em reconhecimento da sua contribuição nas artes.

Além de cantar na tomada de posse de Nelson Mandela, como primeiro presidente negro da África do Sul, em 1994, e no seu 75º aniversário natalício, Sibongile Khumalo passou pelos melhores palcos do mundo, incluindo o famoso Royal Albert Hall, de Londres.

Leia mais clicando aqui.

Sibongile Khumalo

Sophie (1986-2021)

Sophie

Sophie

De acordo com o UOL, a artista escocesa Sophie morreu hoje (30), aos 34 anos. Segundo a Future Classic, empresa que agenciava a carreira da cantora e produtora de música eletrônica, a morte aconteceu por volta das 4h em Atenas, Grécia, onde ela vivia. Segundo o comunicado, Sophie escalou um lugar alto para ver a lua, escorregou e caiu:

Além de produtora, Sophie era cantora e DJ. Artista transexual, ela foi referência na música eletrônica e em 2019 concorreu ao Grammy na categoria de de melhor álbum de dance/eletrônica, com “Oil of Every Pearl’s Un-Insides”. Isso fez dela a primeira artista trans a concorrer à maior premiação da música.

Leia mais clicando aqui.

Liber Gadelha: Falecimento

Liber Gadelha

Faleceu em 30.01.2021 o músico Líber Gadelha. Guitarrista, produtor e empresário brasileiro, foi fundador da gravadora Indie Records e também diretor artístico da Sony Music no início dos anos 1990. Liber foi casado com a cantora Zizi Possi e pai da cantora Luiza Possi, filha do casal. No site da revista Ana Maria:

Líber Gadelha, pai da cantora Luiza Possi, faleceu neste sábado (30), devido a complicações da covid-19. Ele estava internado desde o ano passado, totalizando 60 dias na luta contra a doença. O anúncio foi feito pela artista em seu Instagram oficial.

“É com uma dor imensa e o coração na mão que eu venho aqui hoje dizer que o Nosso Guerreiro descansou. Escolhi essa foto que foi feita após um show nosso e estávamos felicíssimos! É assim que vou te guardar meu pai. Dentro de mim. Eu e meus irmãos, Marcela e Bernardo, e todos os familiares agradecemos demais todas as orações de vocês. Um beijo do que sobrou de mim”, lamentou ela.

Leia mais clicando aqui.

Liber Gadelha

Depoimento de Zizi Possi:

“Que sorte eu tenho!
Faz parte da minha vida um homem forte, verdadeiro guerreiro, com quem tive minha única e amada filha. Fomos uma família, e continuamos sendo mesmo que separados. Relações acabam, o amor não!
Liber Grabois Gadelha, foi meu melhor amigo, cúmplice e companheiro no tempo que nos foi dado a estarmos juntos.
Nossa filha amada deu continuidade ao que criamos juntos, casando-se com Cris e nos presenteando com o Lucca, que descobriu a lua no colo do avô!
Que sorte a minha, de tê-lo tido na minha vida! E com todo o amor que tenho em meu coração te acompanharei em orações e música pela eternidade! Descança no colo do Amor de Deus, nas asas da Sua Proteção e no regozijo da Sua Sabedoria.
Obrigada por tudo Liber!
Amor para sempre!”

Hilton Valentine (1943-2021)

Hilton Valentine

De acordo com o portal G1, Hilton Valentine, guitarrista da banda The Animals, morreu aos 77 anos. A gravadora Abkco Music & Records divulgou um comunicado em 29.01.2021 e a causa da morte não foi divulgada:

“Nossas mais profundas condolências vão para a família e amigos de @HiltonValentine por sua morte esta manhã, aos 77 anos. Membro fundador e guitarrista original do The Animals, Valentine foi um guitarrista pioneiro que influenciou o som do rock and roll nas décadas seguintes”, escreveu o selo.

Leia mais clicando aqui.

The Animals, com Valentine no canto inferior direito

Nelly Gnattali: Falecimento

O perfil de Roberto Gnatalli no Facebook noticiou que Nelly Biato Gnattali, esposa do maestro Radamés Gnattali, faleceu na noite de 28.01.2021 vítima de covid-19, no CER do Leblon, no Rio de Janeiro:

Nelly era formada em piano pela Escola de Música da UFRJ, na classe do professor Bernardino Queiroz. Durante os anos de 1950/60 atuou profissionalmente no rádio, na televisão e no cinema como cantora e atriz, sob o pseudônimo de Nelly Martins. Em 1968, já morando com Radamés, abandonou a carreira artística formando-se em fisioterapia e mais tarde, em 1980, em medicina, pela Universidade Gama Filho. Durante 10 anos, de 1969 a 1979 Radamés e Nelly formaram um duo de pianos, tendo gravado um belo e raro LP na gravadora Codil, e participado de concertos, programas de rádio e televisão. Em 26/10/1978 Radamés e Nelly casaram-se no Rio de Janeiro.

Nelly tinha 85 anos. Desgraçadamente, seu filho, o engenheiro e cantor Luiz Antônio Pereira dos Santos faleceu no domingo último, 24.01.2021, em Búzios (RJ), aos 62 anos, também de covid-19. Mãe e filho nos deixam na semana em que Radamés completaria 115 anos de nascimento.

The Voice+ Brasil 2021: Fase 1, Audição às Cegas 2, 24.01.2021

Apresentações do programa de hoje:

1. Abadia Pires

– Cantou “Você me Vira a Cabeça”
– Time Daniel

2. Mamá Motta

– Cantou “Unchained My Heart”
– Time Ludmilla

3. Celestina Maria

– Cantou “Cordas de Aço”
– Time Mumuzinho

4. Lucia de Maria

– Cantou “Epitáfio”
– Time Ludmilla

5. Mario Figueiredo

– Cantou “Sympathy For The Devil”
– Time Claudia

6. Leila Maria

– Cantou “Night and Day”
– Time Mumuzinho

7. Dulce Borges

– Cantou “Fullgás”
– Time Ludmilla

8. Carlos Miziara

– Contou “The Days of Wine and Roses”
– Time Daniel

9. Tia Elza

– Cantou “Não Deixe o Samba Morrer”
– Time Ludmilla

10. Celso Galvão

– Cantou “Rocketman”
– Não foi classificado

11. Ceiça Moreno

– Cantou “Qui Nem Giló”
– Time Claudia

12. Jorge Darrô

– Cantou “Sangue Latino”
– Time Daniel

13. Miracy de Barros

– Cantou “Quando Te Vi”
– Time Ludmilla

Programa de hoje no site oficial:
https://gshow.globo.com/realities/the-voice-mais/

Times até este programa:

TIME CLAUDIA LEITTE
– Ceiça Moreno
– Evinha do Forró
– Mario Figueiredo
– Zé Alexandre
– Zeni Ramos

TIME DANIEL
– Abadia Pires
– Áurea Catharina
– Carlos Miziara
– Catarina Neves
– Jorge Darrô
– José Mariano

TIME LUDMILLA
– Dudu França
– Dulce Borges
– Lucia de Maria
– Mamá Motta
– Miracy de Barros
– Tia Elza
– Vera Ambrozio

TIME MUMUZINHO
– Angela Máximo
– Celestina Maria
– Geraldo Maia
– Leila Maria
– Yeda Maranhão

Antenor Marques Filho (Gordinho do Surdo): Falecimento

Segundo o site Famosando, morreu em 23.01.2021, aos 75 anos, Antenor Marques Filho, conhecido como Gordinho do Surdo. Amigos próximos confirmam que ele faleceu em decorrência da Covid-19:

Aliás, o músico foi um dos maiores ritmistas do Brasil e atualmente, tocava na banda de Thiaguinho.

Ainda não há informações sobre o velório e sepultamento mas devem ocorrer de forma restrita por conta da pandemia do novo coronavírus.

O cantor então lamentou a perda do colega “Que dor. Um pedaço de mim se vai. Mas tudo que vivemos desde os meus 19 anos vai ficar guardado aqui no meu coração… Tá doendo tanto, Seu Antenor. Eu nem sei explicar… A gente sentiu que esse era nosso último abraço, né… Só a gente sabe o que a gente sentiu quando se olhou nos olhos esse dia e nos agradecemos.”

A notícia foi encontrada aqui.

Gordinho do Surdo

BBB21: Artistas da música na edição 21 do Big Brother Brasil

Karol Conká, MC Pocah, Projota, Fiuk e Rodolffo estarão confinados na versão 2021 do Big Brother Brasil:

A lista completa:

– Arthur (Pipoca): Instrutor de crossfit, 26 anos, natural do Espírito Santo.
– Karol Conká (Camarote): Cantora, 35 anos, natural de Curitiba.
– Caio (Pipoca): Fazendeiro, 32 anos, natural de Goiás.
– Carla Diaz (Camarote): Atriz, 30 anos, natural de São Paulo.
– João Luiz (Pipoca): Professor de Geografia, 24 anos, natural de Minas Gerais.
– Camilla de Lucas (Camarote): Influenciadora digital, 26 anos, natural do Rio de Janeiro.
– Acrebiano (Pipoca): Modelo, 29 anos, natural do Espírito Santo.
– Pocah (Camarote): Cantora, 26 anos, natural do Rio de Janeiro.
– Juliette (Pipoca): Advogada, 31 anos, natural da Paraíba.
– Nego Di (Camarote): Humorista, 26 anos, natural de Porto Alegre.
– Kerline (Pipoca): Modelo, 28 anos, natural do Ceará.
– Lucas Penteado (Camarote): Ator, 24 anos, natural de São Paulo.
– Lumena (Pipoca): Psicóloga, 24 anos, natural da Bahia.
– Rodolffo (Camarote): Cantor, 32 anos, natural de Goias.
– Viih Tube (Camarote): Youtuber, 20 anos, natural de Sorocaba, interior de São Paulo.
– Gilberto (Pipoca): Doutorando em Economia, 29 anos, natural de Pernambuco.
– Projota (Camarote): Cantor e Rapper, 34 anos, São Paulo.
– Thaís, cirurgiã-dentista, 27 anos, Luziânia (GO).
– Fiuk, cantor e ator, 30 anos, São Paulo.

Renato Hulk: Falecimento

Renato Hulk

De acordo com o UOL, o cantor e compositor Renato Oliveira, conhecido como “Renato Hulk”, faleceu em 18.01.2021 por complicações causadas pela covid-19:

O músico estava hospitalizado desde o dia 30 de dezembro na Santa Casa de Santos, em São Paulo. Posteriormente, no dia 3 de janeiro, Renato foi transferido para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade saúde e teve complicações que atingiram seus rins e pulmão.

Um dos grupos que o cantor fazia parte, o Doctor Samba, confirmou a informação. “É com profundo pesar que o Doctor Samba anuncia o falecimento do nosso irmão Renato Oliveira. Vá em paz maestro”, disse o comunicado do grupo.

O compositor era casado e deixa dois filhos.

Leia mais clicando aqui.

Renato Hulk

No portal G1:

Renato Oliveira morreu por complicações da Covid-19 na noite da última segunda-feira (18), em Santos, no litoral de São Paulo. Oliveira já fez parte do Grupo Reboliço e atualmente era vocalista do Grupo Doctor Samba. Conhecido como “Renato Hulk”, ele também compôs enredos para a escola de samba Unidos dos Morros.

Companheiro do grupo e amigo de Oliveira, Luciano Silveira Zorzi, de 51 anos, conta que o cantor foi internado no dia 30 de dezembro e estava na UTI da Santa Casa de Santos desde o dia 3 de janeiro. Segundo ele, Oliveira morreu após complicações da doença, que atingiu os rins e o pulmão.

O velório do compositor foi realizado na Santa Casa de Santos, na tarde desta terça-feira, entre 12h30 e 14h30.

Leia mais clicando aqui.

Doctor Samba

Prêmio APCA 2020: Vencedores

Lista completa de vencedores do Prêmio APCA 2020:

ARQUITETURA

Obra de Arquitetura:
– Estação Antártica Comandante Ferraz, do Estúdio 41

Fronteiras da Arquitetura:
– Marcha a Ré, de Nuno Ramos e Teatro da Vertigem

Urbanidade:
– Padre Júlio Lancellotti

ARTES VISUAIS

Exposição Internacional:
– Egito Antigo no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil)

Atividade Cultural:
– IAC – Instituto de Arte Contemporânea que, ao comemorar 20 anos de excepcional atuação, inaugurou sua nova sede

Arte/Tecnologia:
– MIS Experience com a mostra Leonardo Da Vinci – 500 Anos de um Gênio

CINEMA

Longa-metragem:
– M8 – Quando a Morte Socorre a Vida, de Jeferson De

Longa-metragem:
– Sertânia, de Geraldo Sarno

Média-metragem:
– Sete Dias em Maio, de Affonso Uchoa

DANÇA

Criação:
– Silêncio, vídeo performance de Eduardo Fukushima e Sérgio Roizenblit

Difusão:
– Programação de Dança do FarOFFa – Circuito Paralelo de Artes de São Paulo, e do FarOFFa no sofá

Ação de Formação:
– Ayodele Balé, escola de formação em danças preferencialmente para pessoas negras e as não negras de baixa renda

Ação de Sustentabilidade:
– Senadora Benedita da Silva e Deputada Federal Jandira Fegalli, pelo trabalho em prol da elaboração, votação e regulamentação da Lei Aldir Blanc, garantindo condições emergenciais de sustentabilidade para a cadeia produtiva da dança

Prêmio Especial:
– 80 Anos da EDASP – Escola de Dança de São Paulo

LITERATURA

Trabalho Editorial:
– *Gita Guinsburg*, pelas realizações à frente da Editora Perspectiva — refletindo a resistência de todas as editoras no contexto da pandemia.

Difusão de Literatura Brasileira:
– *Bel Santos Mayer*, pela propagação de literatura brasileira contemporânea — e mediação de leituras — durante a pandemia, valendo-se de meios aplicados a propostas de isolamento social.

Difusão de Literatura Brasileira no Exterior:
– *Nara Vidal*, pela revista digital Capitolina Books, que difunde literatura brasileira — on-line, bilíngue (português / inglês) e gratuita — no exterior.

MÚSICA POPULAR

Artista do Ano:
– Teresa Cristina

Artista Revelação:
– Jup do Bairro – “Corpo sem Juízo”

Melhor Live:
– Caetano Veloso

Melhor Disco:
– “Rastilho”, Kiko Dinucci

RÁDIO

Valorização do Rádio:
– Luiz Fernando Magliocca , que esteve ligado a momentos importantes do rádio, desde os anos 70.

Profissional do Ano:
– José Eduardo Piedade Catalano , mais antigo radialista profissional na ativa, que comemorou 72 anos de trabalho, na apresentação de programas na Rádio Difusora de Santa Cruz do Rio Pardo/SP.

Podcast:
– Atenção, Silêncio no Ar – Criação, produção e apresentação do radialista, César Rosa. Em pauta, a história do rádio FM paulistano.

TEATRO

Espetáculo:
– Bertoleza, Direção e adaptação: Anderson Claudir; Texto final: Anderson Claudir e Le Ticia Conde

Espetáculo Virtual:
– Peça, com concepção e atuação Marat Descartes e direção de Janaina Leite

Prêmio Especial:
– Série “Cena Inquieta” em 26 episódios dirigida por Toni Venturi com curadoria de Silvana Garcia sobre teatros de grupo brasileiros.

TEATRO INFANTO-JUVENIL

Prêmio Especial da Quarentena 2020 por levar ao meio digital, de forma criativa e dinâmica, duas séries lúdicas com interação online de crianças:
– Grupo Esparrama (Diz aí… e Vamos Brincar?)

Prêmio Especial da Quarentena 2020 por levar ao meio digital, de forma interativa, com atuação online do público, uma aventura policial voltada para o público jovem:
– Caso Cabaré Privê – texto e direção de Pedro Granato, com a Cia. Pequeno Ato.

Prêmio Especial da Quarentena 2020 por levar ao meio digital, de forma no formato pré-gravado, três espetáculos recentes de seu repertório completamente reescritos e reeditados, levando em conta as especificidades da linguagem audiovisual:
– Trilogia Olho Mágico, da Cia. Delas, com direção de Thaís Medeiros (Ep. 1 – Caroline Lucretia Hershel / Ep. 2 – Maria Sibylla Merian / Ep. 3 – Mary Anning)

TELEVISÃO

Atriz:
– Camila Morgado (Bom Dia, Verônica/ Zola Filmes-Netflix) e
– Tatiana Tibúrcio (Especial Falas Negras/TV Globo).

Ator:
– Eduardo Moscovis (Bom Dia, Verônica/ Zola Filmes-Netflix)

Dramaturgia:
– Bom Dia, Verônica (Zola Filmes-Netflix)

Programa:
– Conversa com Bial (TV Globo)

Humor:
– Marcelo Adnet – Sinta-se em Casa/Globoplay

Destaque do ano:
– CNN Brasil

Phil Spector (1939-2021)

Phil Spector

De acordo com o portal G1, Phil Spector, produtor musical que revolucionou a música pop dos anos 1960 e acabou preso por assassinato, morreu em 16.01.2021, disseram autoridades da prisão estadual da Califórnia neste domingo (17). Ele tinha 81 anos:

A causa da morte ainda será determinada por legistas, segundo um comunicado da instituição.

Em 2009, Spector foi considerado culpado pelo assassinato da atriz Lana Clarkson, que aconteceu em 2003 em sua mansão, nos arredores de Los Angeles. Ele foi condenado a 19 anos de prisão.

Clarkson, estrela de “Rainha guerreira” (1985) e outros filmes, foi encontrada morta a tiros no foyer da casa. Na época, Spector negou o crime, que afirmou ter sido um “suicídio acidental”.

O produtor era visto como uma das figuras mais influentes da história da música pop. Décadas antes de ser condenado, ele tinha sido aclamado como um visionário por criar a fórmula de produção conhecida como “wall of sound” (“parede sonora,”, em inglês), que mudou a forma como os discos pop foram gravados a partir de então.

Ela mesclava harmonias vocais animadas com arranjos orquestrais luxuosos para produzir monumentos do pop, como “Da doo ron ron” e “He’s a rebel”, sucessos do grupo The Crystals, e “Be my baby”, lançada pelo The Ronettes.

A partir do final dos anos 60, ele trabalhou como produtor convidado dos Beatles (no álbum “Let it be”) e com George Harrison (“All things must pass”), John Lennon (“Rock n’ roll”) e Ramones (“End of a century”).

Leia mais clicando aqui.