GRÁTIS – Pedro Luís – 16.05.2014

Inspirado fabricante de sucessos pop, além de projetos que arrastam multidões, como o Monobloco, o cantor, compositor e guitarrista Pedro Luís faz aqui uma apresentação diferente da habitual. Batizado como Por Elas, o espetáculo conta apenas com músicas compostas por ele, mas gravadas por mulheres. Acompanhem a lista de algumas das canções, seguida da cantora que a registrou: Soul (Sandra de Sá), Noite Severina e Os Beijos (Elba Ramalho), Mantra e A Medida do Meu Coração (Maria Rita), Janeiros e Braseiro (Roberta Sá), Mão e Luva (Adriana Calcanhotto), Braços Cruzados (Zélia Duncan) e Valeu (Preta Gil). 14 anos.

Sala Funarte Sidney Miller
Rua da Imprensa, 16, Centro, 2279-8087.
Sexta [16.05.2014], 18h30. Grátis (225 lugares).
Bilheteria: distribuição de ingressos às 18h.

GRÁTIS – 20 anos do Centro Cultural Ação da Cidadania – 16.05.2014

Carlos Negreiros junta-se a outros percussionistas de prestígio, Laudir de
Oliveira, Jovi Joviniano e Murilo O´Reilly, para explorar matrizes da
música africana. O espetáculo faz parte das comemorações dos vinte anos do
Centro Cultural Ação da Cidadania, fundado por Herbert de Souza, o Betinho
(1935-1997). Livre.

Centro Cultural Ação da Cidadania (1 000 lugares).
Avenida Barão de Tefé, 75, Centro, 2233-7460.
Sexta [16.05.2014], 19h. Grátis.
Bilheteria: 18h30 (sex.), distribuição de ingressos.

GRÁTIS – 4º Festival de Música Antiga da UFRJ – 16.05.2014

Laura Rónai, flauta. Felipe Prazeres, violino. Gretel Paganini, violoncelo. Eduardo Antonello, cravo.

Programa: Gluck. Pedro António Avondano.

Escola de Música da UFRJ / Salão Leopoldo Miguez
R. do Passeio, 98 – Centro. Tel.: (21) 2240-1391/ 2532-4649.
Sexta, 16 de Maio de 2014, às 19:00. Grátis.

GRÁTIS – 4º Ciclo de Violão do Conservatório Brasileiro de Música – 16.05.2014

Luis Carlos Barbieri, violão. Duo Cancionâncias (Manuelai Camargo, soprano. Cyro Delvizio, violão).

Programa: Fred Schneiter. Luis Carlos Barbieri. Radamés Gnattali. Francisco Mignone.

Conservatório Brasileiro de Música / Auditório Lorenzo Fernândez
Av. Graça Aranha, 57/ 12º andar – Centro. Tel.: (21) 3478-7600.
Sexta, 16 de Maio de 2014, às 18:30. Grátis.

GRÁTIS – Série Música no Museu – Rio Harp Festival – 16.05.2014

[1] Elisa Netzer, harpa.

Programa: Scarlatti. Fauré. Saint-Saens. E outros compositores.

Centro Cultural Justiça Federal (CCJF) / Teatro
Av. Rio Branco, 241 – Centro. Tel.: (21) 3261-2550/2587.
Sexta, 16 de Maio de 2014, às 15:00. Grátis.

[2] Ronith Mues, harpa. Orquestra de Violões do Forte de Copacabana.

Programa: Bebu Silvetti. E outros compositores.

Centro Cultural Justiça Federal (CCJF)/ Sala de Sessões
Av. Rio Branco, 241 – Centro. Tel.: (21) 3261-2550/2587.
Sexta, 16 de Maio de 2014, às 17:00. Grátis.

[3] Lucas Petroni, harpa.

Programa: Bebu Silvetti. E outros compositores.

Centro Cultural Justiça Federal (CCJF) / Sala de Sessões
Av. Rio Branco, 241 – Centro. Tel.: (21) 3261-2550/2587.
Sexta, 16 de Maio de 2014, às 19:00. Grátis.

Prêmio da Música Brasileira 2014: Vencedores

LISTA DOS VENCEDORES 2014:

ARRANJADOR

Gilson Peranzzetta.
Álbum: Edu Lobo e Metropole Orkest. Artista: Edu Lobo e Metropole Orkest

MELHOR CANÇÃO
Samba para João (Wilson das Neves e Chico Buarque). Artista: Wilson das Neves. Álbum: Se Me Chamar, Ô Sorte.

PROJETO VISUAL
Adriana Calcanhoto e Fernanda Villa-Lobos. Artista: vários. Álbum: Arca de Noé – Vinicius de Moraes

REVELAÇÃO
Bixiga 70. Álbum: Bixiga 70

CANÇÃO POPULAR

Álbum
Reencontro. Artistas: Angela Maria e Cauby Peixoto. Produtor: Thiago Marques Luiz

Dupla
Chitãozinho & Xoxoró. Álbum: Do Tamanho do Nosso Amor – Ao Vivo

Grupo
Monobloco. Álbum: Arrastão da Alegria

Cantor
Cauby Peixoto. Álbum: Reencontro

Cantora
Angela Maria. Álbum: Reencontro

INSTRUMENTAL

Álbum
Mundo de Pixinguinha. Artista: Hamilton de Holanda. Produtores: Lu Araújo, Marcos Portinari e Hamilton de Holanda

Solista
Hamilton de Holanda: Álbum: Mundo de Pixinguinha

Grupo
Spok Frevo Orquestra. Album: Ninho de Vespa

MPB

Álbum
Edu Lobo e Metropole Orkest. Artista: Edu Lobo e Metropole Orkest. Produtores: Edu Lobo e Metropole Orkest

Grupo
Boca Livre. Álbum: Amizade, Boca Livre

Cantor
Milton Nascimento. Álbum: Uma Travessia – 50 Anos de Carreira ao Vivo

Cantora
Maria Bethânia. Álbum: Carta de Amor – Ato 2

POP / ROCK / REGGAE / HIPHOP / FUNK

Álbum
Atento aos Sinais. Artista: Ney Matogrosso. Produtores: João Mário Linhares e Sacha Amback

Grupo
Passo Torto. Álbum: Passo Elétrico

Cantor
Ney Matogrosso. Álbum: Atento aos Sinais

Cantora
Gal Costa. Álbum: Recanto – Ao Vivo

REGIONAL

Álbum
Zulusa. Artista: Patricia Bastos. Produtores: Du Moreira e Dante Ozetti

Dupla
Caju & Castanha. Álbum: Meu Deus, Que País É Esse!

Grupo
Quinteto Violado.
Álbum: Canta Gonzagão

Cantor
Sérgio Reis. Álbum: Questão de Tempo

Cantora
Patricia Bastos. Álbum: Zulusa

SAMBA

Álbum
Se Me Chamar, Ô Sorte. Artista: Wilson das Neves. Produtores: Wilson das Neves, Paulo César Pinheiro e Berna Ceppas

Grupo
Sururu na Roda. Álbum: Ao Vivo

Cantor
Zeca Pagodinho. Álbum: 30 Anos – Vida que segue

Cantora
Alcione. Álbum: Eterna Alegria

ESPECIAL

DVD
Criolo & Emicida – Ao Vivo. Artistas: Criolo e Emicida. Diretores: Andrucha Waddington, Ricardo Della Rosa e Paula Lavigne

Língua Estrangeira
Canta Billie Holiday in Rio. Artista: Leila Maria. Produtor: Paulo Midosi

ERUDITO
Heitor Villa-Lobos – Sinfonia nº 6 e nº 7. Artista: Osesp. Produtora: Fundação Osesp

Infantil
Arca de Noé – Vinicius de Moraes. Artistas: vários. Produtor: Dé Palmeira

Projeto Especial
Caymmi. Artistas: Nana, Dori e Danilo. Produtor: Dori Caymmi

 
Fonte da matéria abaixo: jornal O Dia de 16.05.2014.

OD1605U

Lizoel Costa: Falecimento

Lizoel Costa

Lizoel Costa

De acordo com o portal RBS, o músico Lizoel Costa, guitarrista da banda paulistana Língua de Trapo, morreu no dia 7 de maio de 2014, aos 58 anos, em Campo Grande, devido a um aneurisma cerebral:

Segundo informações divulgadas pela irmã do músico, ele estava internado no Hospital do Pênfigo, na capital sul-mato-grossense, quando teve morte cerebral.

A Língua de Trapo surgiu durante a ditadura militar, na década de 1970, na Faculdade Cásper Líbero (SP), ainda com o nome de Laert e seus Cúmplices. Embora não estivesse na formação inicial da banda, que contava com Laert Sarrumor, Guca Domenico, Luiz Domingues e Pituco, Costa era colega de faculdade deles e se juntou ao grupo, assim como Carlos Castelo.

Na década de 1980, a banda mudou de nome para Língua de Trapo e começou a fazer shows maiores, sempre com músicas bem-humoradas e cheias de críticas à ditadura.

A nota foi encontrada aqui.