CCBB-RJ – Sonata: Sua Evolução em Quatro Séculos – 16.04.2013

Com o tema “Romântico: A Expansão – A Exarcebação da forma como expressão romântica”, o CCBB-RJ apresenta, no dia 16 de abril de 2013, o terceiro recital da série musical “Sonata – Sua Evolução em Quatro Séculos”, que vem acontecendo todas as terças-feiras de abril de 2013:

Neste dia, a série musical terá como convidados o TRIO JARDINI composto por Luiz Amato, no violino, Adriana Holtz, no violoncelo e Márcia Cattaruzzi, no piano. Eles apresentarão sonatas de J. Brahms.

Durante as terças-feiras de abril, a série musical abordará obras de compositores famosos e contará a história da sonata ao longo de 400 anos, passando pelo Clássico, Romântico, Nacionalismo Brasileiro e Moderno.

Com curadoria do maestro Ilso Muner, os participantes da série Sonata – Sua Evolução em Quatro Séculos farão uma breve explicação para a plateia sobre o repertório e o período histórico do tema do dia. Ao final de cada espetáculo a plateia poderá participar fazendo perguntas sobre o programa e os temas abordados.

Para participar desta série musical, foram convidados grupos e solistas diferentes, de renomado reconhecimento nacional e internacional que apresentarão um programa com obras de importância histórica. Os instrumentos utilizados nos recitais serão variados, indo do piano aos exóticos instrumentos de sopro do período clássico, passando pelos tradicionais instrumentos de cordas das orquestras modernas.

Cada recital terá uma hora de duração, sendo que 50 minutos de música e 10 minutos de explicações relativas ao programa.

Criada no final da renascença e muito utilizada no período Barroco, a Sonata teve seu ápice no período clássico com Haydn e Mozart e sua amplitude desenvolvida com Beethoven e Brahms no Romantismo. Nos dias de hoje, a sonata continua sendo cultivada por compositores contemporâneos que, apesar da linguagem musical moderna, não abrem mão de sua forma completa de expressar uma obra por instrumentos.

No período Romântico, a forma sonata atinge sua plenitude com a exacerbação DA Forma-Sonata, que foi expandida às últimas consequências pelos compositores do período. Compositores como Beethoven, que na sua última fase colocou um coral no último movimento DA magistral Nona Sinfonia e Mahler que compôs a oitava sinfonia para ser executada por mil músicos, elevaram a Sinfonia (Sonata escrita para orquestra) à condição de expressão completa e gigantesca do expressionismo Romântico. Brahms, compositor abordado nesse concerto, foi o mais clássico dos compositores Românticos. Expandiu a harmonia em suas Sonatas para piano, aproveitando todas as teclas que foram acrescentadas ao instrumento na sua época, além de incluir mais movimentos à forma original com apenas três. Brahms também adicionou instrumentos novos na orquestra utilizada em suas sinfonias, como exemplo, o triângulo. Brahms talvez seja o compositor que melhor sintetizou a fusão DA forma clássica DA sonata com a expressão dos mais variados sentimentos do romantismo.

A série musical Sonata – Sua Evolução em Quatro Séculos terá ao todo 10 recitais, sempre às terças-feiras, cada um com 60 minutos de duração.

Sonata – Sua Evolução em Quatro Séculos
Patrocínio: Banco do Brasil
Realização: Centro Cultural Banco do Brasil
Coordenação de Produção: Dinâmica Eventos e Produções
Curadoria: Ilso Muner

Segundo Recital: “Romântico: A expansão – A exarcebação da forma como expressão romântica”
Data: 16/04/2013 – Terça-feira
Horário: 12h30 e 19h
Local: Teatro II
Capacidade: 158 lugares, sendo 03 para cadeirantes
Duração: 60 minutos
Classificação indicativa: Livre

Preço: R$ 6,00 e R$ 3,00 (meia entrada para estudantes e idosos)
Cheque, dinheiro e cartão.

O CCBB fica na Rua Primeiro de Março 66, Centro, tel.: (21) 3808-2020. Outras informações podem ser obtidas no site

www.bb.com.br/cultura

GRÁTIS – Série Música no Museu – 12.03.2013

Edson Monteiro, violino. Anderson Alves, piano.

Programa: Handel. Edmundo Villani-Côrtes. Debussy. Anderson Alves.

Centro Cultural Justiça Federal (CCJF)
Av. Rio Branco, 241 – Centro. Tel.: (21) 3261–2550/2587.
Sexta, 12 de Abril de 2013, às 15:00. Grátis.

GRÁTIS – Programa Sala de Concerto – 12.04.2013

Jerzy Milewsky, violino. Aleida Schweitzer, piano. Lauro Gomes, produção.

Programa:
– Fritz Kreisler: Marche miniature viennoise; Poupée valsante.
– Paul Kirman: Danse galicienne (vieil air hébraique).
– Fritz Kreisler: Sicilienne and rigaudon.
– Roda de Choro Cussy de Almeida: Capricho brasileiro “Carinhoso”.
– Waldir Azevedo: Pedacinhos do céu; Brasileirinho.
– Zequinha de Abreu: Tico-tico no fubá.
– Krzesimir Debski: Country in E.

Escola de Música da UFRJ
Rua do Passeio, 98 – Centro. Tel.: (21) 2240-1391/ 2532-4649.
Sexta, 12 de Abril de 2013, às 17:00. Grátis.